top of page
Buscar

28 de fevereiro, Dia Mundial de Doenças Raras.

Hoje, conscientizamos sobre as lutas silenciosas enfrentadas por milhões de brasileiros. No Brasil, 13 milhões de pessoas vivem com doenças raras, sendo cerca de 700 mil no Rio Grande do Sul, conforme estimado pelo médico geneticista e professor Roberto Giugliani.


A atenção a esse tema é crucial, especialmente para gestores municipais de saúde. No Dia Mundial de Doenças Raras, reafirmamos a importância de fortalecer o Sistema Único de Saúde (SUS) para garantir o acesso digno e eficaz a tratamentos especializados.


Cada ação, cada investimento, conta na construção de uma sociedade mais justa e inclusiva. Juntos, podemos fazer a diferença na vida daqueles que enfrentam desafios extraordinários diariamente.


Vamos unir esforços para proporcionar esperança e cuidado a todos que necessitam. 




Comments


bottom of page