Notícias

CAMPANHA NACIONAL DE MULTIVACINAÇÃO É ADIADA PARA OUTUBRO

A campanha nacional de multivacinação tem nova data para acontecer: de 7 a 25 de outubro de 2019, tendo o seu DIA D no sábado, 19. O motivo é a indisponibilidade da vacina pentavalente, que protege bebês, nos seus primeiros meses de vida, contra a difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e meningite. As crianças devem tomar três doses da vacina aos 2, 4 e 6 meses de idade. A imunização é feita pelo Sistema Único de Saúde (SUS), gratuitamente, em qualquer Unidade Básica de Saúde (UBS). A vacina pentavalente é adquirida pelo Ministério da Saúde que, por sua vez, faz os repasses para as gestões estaduais e as mesmas as encaminham para os municípios. 

 

Segundo o Ministério da Saúde, a razão para a demora dos repasses e, logo, o adiamento da campanha se dá pelo fato de que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) interditou três lotes de vacinas pentavalente líquida da empresa indiana Biologicals E. Limited, que apresentaram “resultado insatisfatório no ensaio de aspecto”. O teste é realizado pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde e avalia cor, odor e características da embalagem de um produto. 

 

Ainda de acordo com o Ministério da Saúde, os lotes deverão ser trocados por novas vacinas. Entretanto, essa manutenção cabe à Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), que é a responsável pelo Fundo Rotatório para Aquisições de Imunobiológicos, meio pelo qual o Brasil adquire as doses. Em nota, o Ministério da Sáude informou que ainda no mês de julho corrente, estão sendo enviadas para os estados 437,7 mil doses da vacina pentavalente do laboratório Serum India, regularizando os estoques em todo o país. 

 

 


 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Fone: 3213.2000 (Ramais 2116  e 2127)
Avenida Borges de Medeiros, nº 536, sala 412

Centro Histórico - Porto Alegre / RS

CEP 90010-241

Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Sul. Todos os direitos reservados. 2018-2019.