Buscar

25 de Outubro Dia Nacional da Saúde Bucal

Nós do Cosems/RS agradecemos o empenho e dedicação aos profissionais de saúde bucal que cuidam da nossa saúde.


O dia do dentista no Brasil é comemorado no dia 25 de Outubro. Essa foi escolhida porque em 25 de Outubro de 1884 foi assinado o primeiro decreto (decreto 9.311) que criou os primeiros cursos de Graduação em Odontologia no Brasil.


Esse e outros fatores fazem do Brasil o país com mais profissionais no mundo. Em Fevereiro de 2020 dentistas brasileiros representavam cerca de 19% desses profissionais em todo mundo segundo o Ministério da Saúde.


A Política Estadual de Saúde Bucal tem como principal objetivo a ampliação e qualificação do atendimento na atenção básica, possibilitando o acesso a todas as faixas etárias e a oferta de serviços que assegurem o atendimento nos níveis secundário e terciário para a integralidade da atenção.


Atenção Primária à Saúde


Compete à Atenção Primária à Saúde assumir a responsabilidade pela detecção e resolução das necessidades odontológicas do usuário, bem como providenciar os encaminhamento para as devidas referências para reabilitação, monitorar e realizar a manutenção pós-tratamento. Representa a orientação do processo de trabalho para a atuação da saúde bucal no âmbito dos serviços de saúde.


Além do atendimento clínico, é realizado um trabalho de educação em saúde nas escolas e creches, muitas delas aderidas ao PSE- Programa de Saúde na Escola.


Atenção Secundária


A atenção especializada em Saúde Bucal no RS é representada pelos Centros de Especialidades Odontológicas (CEO) e Laboratórios Regionais de Próteses Dentárias (LRPD) e cabe destacar que o Estado do RS é um dos poucos estados da federação (sendo o segundo para o CEO e o primeiro para LRPD) a disponibilizar recursos específicos para esta modalidade.


Contamos com 39 Centros de Especialidades Odontológicas (CEO) aonde são realizados procedimentos de Endodontia (tratamento de canal), Cirurgia Oral Maior (CBMF), Periodontia (doenças de gengiva), Estomatologia (câncer bucal) e atendimento a Pacientes com Deficiência (PcD).


O Estado também possui no momento 140 Laboratórios Regionais de Prótese Dentária (LRPD) responsáveis pela confecção de próteses dentárias distribuídos por todas as regiões. Estes serviços, CEO e LRPD, recebem recursos estaduais mensais para melhoria das condições de atendimento.


O câncer bucal é um caso a parte devido a sua alta prevalência na população, afinal é um dos tipos de cânceres mais comuns, pois o Brasil está na 3ª posição do ranking, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA). Se diagnosticado no início, tem grandes chances de cura, cerca de 80%, sem deixar sequelas. As causas do câncer são multifatoriais como, fumo, álcool, alimentação, má higiene bucal, traumas na boca, entre outras. A morbidade para este tipo de câncer foi de 1929 casos no ano de 2018, no Estado do RS.


No mês de maio o estado do RS se dedica a Campanha do Maio Vermelho com a realização de palestras para os profissionais de saúde e o incremento de exames e biópsias para a população nas Unidades de Saúde. São 1038 equipes de saúde bucal em todo o Estado, considerando apenas as Estratégias de Saúde da Família.


Atenção Terciária


O RS realiza atendimento odontológico em nível hospitalar em pacientes com deficiência (PcD) no Hospital Bom Pastor em Igrejinha, que atende a região Metropolitana; no Hospital Geral de Caxias do Sul, Hospital de Caridade de Ijuí e Hospital Presidente Vargas em Porto Alegre para seus munícipes. O Estado também é responsável pelo atendimento hospitalar em cirurgia bucomaxilofacial (CBMF) em todas as regiões.


Texto adaptado da Secretária da Atenção Primária à Saúde do Rio Grande do Sul (SES)


Centros de Especialidades Odontológicas - CEO


Atualização Nota Técnica Saúde Bucal RS 23 07


#sus #saúdebucal #dentista #25deoutubro

6 visualizações0 comentário